Líderes africanos reunidos pela primeira vez na Etiópia Conferência Ministerial sobre Imunização em África

4 de dezembro de 2015- Líderes africanos, entre os quais ministros da saúde, finanças, e ministros de outras áreas, irão reunir-se em Addis Abeba, Etiópia, em 24 e 25 de fevereiro de 2016, para a Conferência Ministerial sobre Imunização em África - a primeira convocação de sempre a nível ministerial com um objetivo único de garantir o acesso a vacinas que salvam vidas a todas as pessoas do continente.

A conferência, organizada pelos Gabinetes Regionais da Organização Mundial de Saúde para África (AFRO) e o Mediterrâneo Oriental (EMRO), em conjunto com a Comissão da União Africana, constituirá uma poderosa plataforma para os decisores políticos e defensores celebrarem o progresso na expansão da cobertura da imunização; analisar estratégias para combater os maiores desafios enfrentados pelos esforços de vacinação; promover a apropriação nacional para o financiamento sustentável da imunização; e defender um maior envolvimento com todos os intervenientes no sentido de garantir uma procura sustentável pela imunização.

"A Conferência Ministerial é uma oportunidade única de assegurar a aceitação ao mais alto nível para dar prioridade à imunização em todo o continente", disse o Dr. Matshidiso Moeti, Diretor Regional da OMS para África. "Com um forte compromisso de todos, podemos tornar o acesso universal à imunização uma realidade."

Em colaboração com a Conferência Ministerial, a OMS e a PATH estão a organizar um evento que celebra o sucesso do Projeto de Vacinas contra a Meningite, que resultou na primeira vacina feita à medida para utilização contra a meningite A nos 26 países africanos no cinturão africano de meningite. O evento irá reunir representantes desses países e parceiros de imunização. Desde que a inovadora vacina MenAfriVac® foi introduzida em 2010, mais de 230 milhões de pessoas em 16 países foram protegidas, resultando no controlo e quase eliminação de surtos de doença de meningite A ao longo do cinturão de meningite.

Nos últimos cinco anos, 50 países em África introduziram com sucesso pelo menos uma nova vacina nos seus programas de imunização, no entanto muitos países africanos têm sido lentos a fazer progressos nos seus objetivos de imunização acordados nacionalmente, e uma em cada cinco crianças na região ainda não recebe as vacinas de que precisam. Em 2014, quase 8 milhões de crianças (21%) no continente africano não receberam as três doses necessárias da vacina contra a difteria/tétano/tosse convulsa (DTP), um forte indicador de que os sistemas de saúde estão mal equipados e subfinanciados para fornecer outras vacinas e serviços de saúde.

"Sabemos que as vacinas são uma das soluções mais eficientes em termos de custos na saúde mundial e, como um continente, precisamos de envidar esforços para acelerar o progresso e chegar a mais crianças", disse o Dr. Ala Alwan, Diretor Regional da OMS para o Mediterrâneo Oriental. "Vacinar crianças contra doenças mortais é um grande investimento no desenvolvimento socioeconómico em África e no mundo em geral."  

Espera-se que a Conferência Ministerial reúna mais de quinhentos líderes políticos, especialistas técnicos e defensores de África e de todo o mundo. As sessões da conferência irão abranger uma série de tópicos, entre os quais o financiamento sustentável para a imunização, o papel das comunidades na promoção da cobertura e procura por vacinas, inspirando-se no sucesso da iniciativa de erradicação da poliomielite de África, e construindo sistemas mais fortes para melhorar a saúde infantil.

A comunicação social pode inscrever-se para participar na reunião no website da conferência. Os participantes da comunicação social terão acesso a todas as sessões da conferência e irão beneficiar de uma série de atividades locais para a comunicação social, entre as quais conferências de imprensa, oportunidades de entrevistas individuais, uma sala de trabalho da comunicação social totalmente equipada no local e eventos paralelos selecionados.

Uma sala de imprensa 'virtual' estará disponível para quem não puder participar pessoalmente na conferência.  Os participantes virtuais terão acesso a todos os materiais da conferência, bem como acesso telefónico às conferências de imprensa que decorram no evento.

O QUÊ:  Conferência Ministerial sobre Imunização em África

QUANDO:  24 e 25 de fevereiro de 2016

ONDE: Centro de Conferências da Comissão da União Africana, Addis Abeba, Etiópia

QUEM:  A Conferência Ministerial será organizada conjuntamente pelo  Gabinete Regional para África da Organização Mundial de Saúde, o Gabinete Regional para o Mediterrâneo Oriental da Organização Mundial de Saúde e a Comissão da União Africana.

Entre os oradores irão contar-se decisores políticos, especialistas em imunização e promotores da saúde infantil de toda a África e de todo o mundo. A lista completa dos oradores será anunciada em breve.

CONTACTO: MCIAmedia@globalhealthstrategies.com

Para obter mais informações sobre a conferência ou inscrever-se para participar, visite o website da conferência www.immunizationinafrica2016.org. Também pode seguir os desenvolvimentos da conferência no Twitter, com @AfricaVaxConf e participar na discussão, com #MCIA16 e #vaccineswork.

###